Logo-barrasonline

Publicada em 07/04/2015 - 14h48
Da Redação

Escândalo no Programa Garantia Safra no Município de Barras

Inregularidades no Programa Garantia Safra


Escândalo no Programa Garantia Safra no Município de Barras Paulo Lemos, Secretário Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários e responsável pelo o Programa Garantia Safra, em Barras

Escândalo no Programa Garantia Safra no Município de Barras

Através do Requerimento Nª 08, de 16 de Março de 2015, a Vereadora Cynara Lages, solicitou informações à Presidenta do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Barras, sobre o Programa do Governo Federal Garantia Safra, referente ao ano de 2014/15.

Na justificativa, a Vereadora diz que o Programa é um benefício social, vinculando ao Ministério do Desenvolvimento Agrário, tendo como principal objetivo, garantir renda mínima para a sobrevivência de agricultores de localidades atingidas, sistematicamente, por situação de emergência ou calamidade pública, em razão de estiagem ou excesso de chuvas.

Diante de denúncias de desvio de finalidades do Programa, no município de Barras, Cynara Lages, pede que seja enviada ao Legislativo Municipal, a relação das pessoas beneficiadas, o total de vagas oferecidas e valores de possíveis taxas e onde as mesmas devem ser pagas, além do órgão responsável e o gestor do cadastramento.

Na Sessão do dia 23 de março, de 2015, a vereadora Jovelina Castro, com base no Art. 27, Parágrafo Único da Lei Orgânica Municipal, combinado com o Art. 197, do Regimento Interno da Câmara, solicitou a presença do Secretario de Habitação e Assuntos Fundiários, Francisco de Paula Lemos Borges, responsável pela gestão do Programa Garantia Safra, em Barras, para esclarecimentos sobre as denúncias correntes.

Em Sessão realizada no Plenário da Câmara Municipal, na noite do dia 06/04/2015, Paulo Lemos, foi sabatinado e constatou-se que existem muitas irregularidades na execução do referido Programa

De posse da lista com 533 (quinhentos e trinta e três beneficiados), os vereadores puderam constatar a existência de funcionários da Prefeitura, Assessores do Prefeito, familiares e amigos de Paulo Lemos, representantes de partido político, até mesmo a namorada de um irmão do Prefeito Edilson Capote, além de algumas pessoas que moram em São Paulo e outras cidades da região dos Cocais.

Há também fortes indícios de falsificação de boletos bancários, usados no pagamento de taxas pelos beneficiários listados e outros documentos comprometedores.

Diante do escândalo provocado pela denúncia, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Barras, por meio do oficio 003, de 18 de março, de 2015, requer, com urgência, a mediação de uma reunião com o responsável e/ou coordenador do Programa Seguro Safra do Governo Federal, no Estado do Piauí, para uma reunião na sede da Entidade, com o intuito de relatar as irregularidades apontadas, bem como tomar as providências cabíveis, para que os verdadeiros trabalhadores rurais não sejam prejudicados.

De acordo com informações obtidas, alguns vereadores encaminharão uma farta documentação do caso a Policia Federal, a quem cabe investigação em tela, por tratar-se de recursos federais.

                                           Vereadora Cynara Lages

 


Imprimir Comunicar erro Bookmark and Share
  1. ligia
    09/04/2015 às 23:11h
    Porque não posto a lista dos beneficiário do dito Ptograma?
  2. Clovis Rabelo
    09/04/2015 às 19:09h
    ISSO É UM PICARETA, E O MAIS GRAVE, DIZ QUE RECEBEU A LISTA DAS MÃOS DO PREFEITO QUE É OUTRO PICARETA, A LISTA CONSTA MUITA GENTE DA PREFEITURA E LIGADA POLITICAMENTE A ELE, INCLUSIVE A NOIVA DO SEU IRMÃO WILSON SÉRVULO, ISSO É UMA VERGONHA, CHEGA DE TANTA CANALHICE PREFEITO CAPOTE, A PREFEITURA NÃO É COMO SUA EMPRESA ONDE VC PODE FAZER SUAS PILANTRAGENS, AQUI A COISA É PÚBLICA.
  3. Conceição - Barras/PI
    08/04/2015 às 13:37h
    Esse rapaz não é aquele mesmo que se lançou na politica se dizendo diferente, dono de novas práticas? Rapaz quer conhecer uma pessoa der-lhe o poder, a oportunidade. Sei bem que esse Paulo Lemos já tinha mostrado seu caráter. Mal terminou o pleito ele ancioso por poder se entregou ao prefeito.